Juju - a dona do pedaço

Juju - a dona do pedaço
JUJU - a dona do pedaço

Família de Peludos

Família de Peludos
"Este blog é feito com muito carinho. Nasceu da vontade de compartilhar

experiências, textos, conhecimentos, dicas a partir da convivência com felinos;

de descobrir como as pessoas em diferentes partes do mundo convivem com esses seres fascinantes.

A família vai adorar que você deixe um comentário.

Entre e fique à vontade... "



quinta-feira, 29 de abril de 2010

PASSARINHO SEM NOÇÃO! (CRAZY'S BIRD)

Viver em São Paulo tem seus prós e contras. Como em toda megalópolis, a corrida desenfreada pelas construtoras em fazer prédios cada vez mais altos, as casas com jardim, as ruas com árvores, acabam pouco a pouco fazendo parte apenas de nossa memória.
Eu ainda me sinto uma das poucas cidadãs que têm o privilegio de morar numa casa com jardim. Gosto de cuidar de plantas, animais. É uma terapia prá mim!
Meus gatos e cachorra compartilham comigo desse pequeno recanto.
Nele cultivo diversas espécies de plantas  (inclusive a catnip). Consegui criar até um pequeno tanque com carpas!
Portanto, não é de se espantar que, algumas vezes, aparecem alguns ilustres visitantes querendo usufruir desse pequeno paraíso.
Eis que, numa tarde ensolarada, vejo uma movimentação no meio das plantas.
Era um pequenino pássaro que, há alguns momentos atrás, tomava banho no tanque das carpas. Gelei quando vi o passarinho totalmente ensopado.
Controlar quatro gatos e uma cachorra (que pensa que é gato), não seria tarefa fácil!
Mas parece que a sorte estava com o nosso amiguinho. Por estar muito quente, cada um estava dormindo num canto, profundamente.
Fiquei, então, observando as peripécias do pequenino para secar suas penas.
Saltitando de um lado para outro, subiu no pé de Bambu-de-jardim e escondeu-se no meio das folhagens.
Ficou a salvo até que suas penas secassem e pudesse alçar vôo.
Que alívio!





sexta-feira, 16 de abril de 2010

O SOLDADO E O GATO

Por um momento o soldado pára para acariciar um gatinho. Nesse instante mágico existe apenas o carinho, a proteção, o afeto. Toda  frieza, crueldade, tristeza e desespero se dissipam num único gesto!


segunda-feira, 12 de abril de 2010

sexta-feira, 2 de abril de 2010

.

quinta-feira, 1 de abril de 2010

OS GATOS E NÓS

Recebi essa mensagem de uma prima. Sabedora que é de minha paixão por gatos, não poderia  deixar de enviar. Para nós gateiras, mais um motivo para respeitar esses fofuchos. Não acham?